Sustentabilidade e Inovação: produtos, serviços e embalagens I

2 minutos para ler

À medida que o conhecimento em torno da demanda por práticas industriais mais sustentável se desenvolve, as propostas inovadoras recebem, cada vez mais, atenção da sociedade. O marketing social e/ou marketing verde – fazem o papel de divulgadores dessas práticas, alavancando uma imagem positiva da marca, frente a demanda global pela sustentabilidade do planeta. As indústrias, atentas a esta combinação de inovação, sustentabilidade e marketing, já estão lançando no mercado produtos, serviços e embalagens aderente a esta visão.

Assim, os padrões de exigência aumentam, tanto para a empresa, quanto para os profissionais que nela trabalham, aliando competência e compromisso, aos investimentos em pesquisa e inovação, as empresas passam a oferecer, aos consumidores e ao planeta, benefícios advindos dessa postura.

Além de investir em inovação sustentável, outra variável a ser considerada é o custo. Um dos maiores dilemas para os profissionais é aliar estes processo de inovação de produtos, serviços e embalagens, à custos menores para o mercado. O público ainda tem consolidada a imagem de que, se é produto sustentável, é mais caro! Temos como exemplos os produtos orgânicos, os produtos advindos de processo de produção do “algodão limpo” – cujos produtos possuem uma preço acima dos demais ( se compararmos as ilhas de produtos com o selo “algodão limpo” como existe na GAP, podemos ver a variável preço bem delineada – o mesmo ocorre no Brasil com as marcas Cantão que lançou sua coleção). A percepção do consumidor ainda é uma “barreira de entrada” para a chegada de produtos sustentáveis ao cotidiano dos cidadãos. No entanto, esta percepção é flexibilizada pelos consumidores com um maior nível educacional.

Nos próximos dois posts você poderá acompanhar casos na indústria têxtil que já estão inserindo no mercado produtos aliados à sustentabilidade. Não perca!

Crédito: artigo escrito por Ana Paula Arbache, sócia diretora da Arbache Consultoria e responsável pelas ações de gestão de pessoas, cidadania corporativa, sustentabilidade ética, social e ambiental.

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-