Produtos & Serviços

Porto de Santos trabalhará com novos scanners para melhorar e agilizar a fiscalização

agosto 22, 2013
Tempo de leitura 1 min

Os primeiros scanners de última geração para contêineres são entregues no Porto de Santos. Uma dessas máquinas, instalada no terminal de Libra, é capaz de atravessar quase 30 cm de aço ou três metros de sacas de café, representando grande avanço ante os equipamentos do final da década de 1990, que tinham apenas 10% dessa potência. A expectativa da Receita Federal é de que a nova tecnologia torne a fiscalização mais eficiente e reduza o tempo de liberação das mercadorias.

Com a tecnologia de ponta, a análise da carga demorará, em média, quatro minutos para ser concluída e dependerá, também, da habilidade do operador. Em Santos, os fiscais da Receita Federal começaram a receber treinamentos neste mês. A perspectiva é de que o tempo de liberação da mercadoria comece a ser reduzido a partir de 2014.

O scanner inaugurado em Libra foi importado por cerca de R$ 4,5 milhões. O valor, no entanto, varia conforme as características do equipamento e pode chegar a R$ 9 milhões. Com a máquina, é possível visualizar com nitidez, por exemplo, uma arma dentro da lataria de um carro ou cápsulas de drogas colocadas no motor de um veículo, tudo isso sem abrir o contêiner.

Segundo a Associação Brasileira dos Terminais de Contêineres de Uso Público, todas as máquinas já foram compradas, mas praticamente metade ainda está em processo de montagem.

“Todas as importações que passam por aqui serão ‘escaneadas’. Já na exportação haverá triagem, poderá ser 5%, 10% ou 50%, dependendo da mercadoria”, explicou Cleiton Alves, inspetor-chefe da alfândega do porto santista.

Fonte: com informações do Estadão.com.br.

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/expertisenei/public_html/wp-includes/functions.php on line 3743