Dicas técnicas

Óculos de proteção: Review completo para a escolha do melhor de 2020

Isabela Gomes
Escrito por Isabela Gomes em 1 de outubro de 2020
5 min de leitura
NEI NEWS

Junte-se a mais de 230 mil pessoas e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

É muito comum na jornada de trabalho depararmos com a obrigatoriedade de algum equipamento de proteção, os óculos de segurança podem ser um desses equipamentos. De extrema importância, os óculos é um EPI de proteção aos visual, ele auxilia na prevenção de doenças ocupacionais como lesões de podem ocorrer em funções e ambientes de trabalho de risco.

Introdução

Com muitas opções de óculos de segurança no mercado de EPI, a NEI Expertise traz nesse artigo fatores que podem impactar na seleção dos óculos EPI para os seus funcionários, com um ranking das melhores marcas e modelos e algumas orientações quanto aos cuidados.

Mas antes veja algumas questões importantes para prosseguir com a leitura:

Qual a função dos óculos de proteção?

Os óculos é um EPI (Equipamento de Proteção Individual) para proteção dos olhos durante o expediente de trabalho. Esse dispositivo evita que ocorra danos aos olhos em exposição a riscos ambientais. O não uso do equipamento de proteção pode causar doenças ocupacionais como lesões graves que ameaçam a visão.

Segundo o Conselho Brasileiro de Oftalmologia estima-se aproximadamente mais de 150 mil casos de acidentes ocupacionais oculares por ano

A maior maneira de prevenção ainda é o uso do equipamento de proteção ao funcionário. 

Quais são os riscos ambientais?

Para a NR9 – Norma criada pelo Ministério do Trabalho que estabelece a implantação do  Programa de Prevenção de Risco Ambientais ou PPRA – os riscos de ambientais em funções ocupacionais são classificados da seguinte forma:

  • Verde – Risco Físico: ambientes profissionais com temperaturas extremas, vibrações ruídos, umidade, pressão, radiação entre outros.
  • Vermelho – Risco químico: ambientes de exposição a gases, vapores, névoas, fumaças e poeiras prejudiciais a saúde;
  • Amarelo – Risco ergonômico: funções que exigem esforço extremo, má postura, atividades repetitivas intensa ou longas jornada de trabalho.
  • Marrom – Risco biológico: ambientes com a presença de agentes contaminantes como bactérias, vírus, fungos, protozoários, parasitas, etc.
  • Azul – Risco mecânico: ambientes com possibilidade de perfuração, corte, abrasão, queimaduras, choques e explosões. As causas geralmente são por trabalhos com equipamentos e máquinas. 

Como fazer o PPRA?

A criação de um manual de Programa de Prevenção de Riscos Ambientais fica de responsabilidade do empregador e deve ser implantado em todas ou qualquer empresa com vínculo empregatício, ou seja, qualquer empresa que tenha ao menos 1 funcionário.

Para a implantação do PPRA fica estabelecido as seguintes etapas:

  1. Antecipação e reconhecimentos dos riscos;
  2. Estabelecimento de prioridades e metas de avaliação e controle;
  3. Avaliação dos riscos e da exposição dos trabalhadores;
  4. Implantação de medidas de controle e avaliação de sua eficácia;
  5. Monitoramento da exposição aos riscos;
  6. Registro e divulgação dos dados.

Confira nosso artigo completo sobre a NR9.

Top Five: As 5 melhores marcas de óculos de proteção

Para ter os óculos de segurança eficientes e que garantam os cuidados corretos aos olhos é necessário uma análise técnica de risco, material e principalmente de reputação da marca produtora do EPI.

Para ficar atualizado sobre as melhores empresas e produtos, fizemos um ranking das marcas mais indicadas pelos especialistas de acordo com Revista TOP Five 2019/2020 Fornecedores Indicados pela Indústria. Confira:

1° Vonder

Com o mais completo mix de ferramentas, ferragens e equipamentos de trabalho, a Vonder tem um árduo e expressivo crescimento no mercado profissional. Com tecnologia e evolução tem linhas para diversos segmento.

Seus produtos passam por um crivo técnico de acompanhamento e desenvolvimento até a fase final de aceitação e necessidade dos clientes. As linhas Vonder são separadas em  abrasivos; adesivos, vedantes e lubrificantes; equipamentos e acessórios para pintura; ferramentas de corte; ferramentas manuais; construção civil; ferramentas agrícolas; jardinagem e pulverização; ferragens; máquinas e equipamentos; fitas; fixadores; medição; solda e equipamentos de segurança.

Diferenciais dos óculos de segurança Vonder

De qualidade incontestável, os óculos de segurança da Vonder são destaque em: 

  • Confecção em policarbonato;
  • Altíssima resistência;
  • Transparência;
  • Leveza;
  • Anti impacto;
  • Proteção contra partículas volantes;
  • Tratamento anti risco e 
  • Proteção UVA/UVB.

Principal linha de óculos de segurança Vonder

A linha de óculos Foxter da Vonder é uma das mais relevante para a marca. De policarbonato, é confeccionada com tratamento anti risco, proteção de raios UVA 60% e UVB 95%, tem ajuste de tamanho, antiembaçante, é produzida conforme a ANSI Z87.1 e está disponível nas cores incolor, vermelho, âmbar e fumê.

2° Univet

Referência no mercado, a Univet é uma empresa de design inovadores e modernos.

Com produtos que seguem padrões internacionais, os óculos Univet são desenvolvidos e fabricados com investimento tecnológico para atender o mercado de equipamentos de proteção individual.  

Diferenciais dos óculos de segurança Univet

Os óculos Univet são produzidos para cada existe fisionomia, procura atender a todos nos mercado para que cada funcionário tenha a proteção adequada.

Construídos a base em estudos ergonômicos aprofundados , os óculos da Univet garantem conforto e excelente ajuste a qualquer físico. Alguns diferenciais da marca são:

  • Sistema de ventilação;
  • Ajuste;
  • Ajuste no nariz;
  • Versões esterilizáveis;
  • Revestimento anti-embaçante;
  • Proteção de sobrancelha.

Principais linhas de óculos de segurança Univet

Com uma linha diversificada, a Univet dispõe de óculos de segurança para os mais variados segmentos industriais, casuais, esportivos, hospitalar e máscaras para uso em salas com controle de contaminação e operação em ambientes assépticos.

Um dos best seller da marca são os óculos da linha 505UP essencial para proteção e resistência, tem estrutura extremamente leve, flexível, ergonômico e almofada para o nariz. 

3° 3M

Fundada em Minnesota em 1902,a 3M embarcou no Brasil em 1946, com o intuito de fornecer produtos com alta qualidade e tecnologia, sempre pensando em como entregar aos seus consumidores uma solução para suas necessidades de proteção e conforto na área de trabalho.

Contando com um vasto acervo de equipamentos de proteção individual em seu catálogo, a marca tem uma gama de óculos de proteção para variadas funções ocupacionais. 

Diferenciais dos óculos de segurança da 3M

Os modelos 3M são imbatíveis em:

  • Compatibilidade com outros EPIs;
  • Adaptação para lentes de grau;
  • Modelos compactos;
  • Tecnologia Scotchgard de desembaraçar.

Principal linha de óculos de segurança 3M

A 3M disponibiliza em seu catálogo a linha Solus 1000 Incolor para ambientes quentes e úmidos, confeccionada em policarbonato tem tira elástica, espuma de vedação, hastes emborrachadas, ajuste nasal macio e ajustável. Indicado para construções, minerações, trabalhos com óleos e gases, a linha Solus são óculos de segurança convencional produzida de acordo com a ANSI Z87.1.

4° MSA

Mine Safety Appliances, ou MSA Safety Incorporated, é uma marca global fabricadora e fornecedora de produtos de segurança. Fundada em 1914, a MSA integra eletrônicos, sistemas mecânicos e materiais avançados com a mais alta qualidade. Uma fabricante de sofisticados produtos de segurança que incluem aparelhos respiratórios autônomos, sistemas fixos de detecção de gás e chamas, instrumentos portáteis de detecção de gás, produtos de proteção de cabeça industrial, capacetes de resgate e incêndio e dispositivos de proteção contra quedas.

Os óculos de proteção da MSA são certificado conforme as Normas Regulamentadoras brasileiras e o INMETRO, também é aprovado pelo padrão norte americano ANSI e USDA dos Estados Unidos e CSA do Canadá. 

Diferenciais dos óculos de segurança da MSA

Design modernos e formatos anatômicos, os óculos da MSA é um dos mais usados pois tem:

  • Proteção a partículas e poeiras;
  • Proteção a projéteis;
  • Proteção a radiação UV;
  • Hastes moldáveis;
  • Protetor nasal.

Principal linha de óculos de segurança MSA

A linha Sparrow, destinada a proteção contra partículas sólidas tem os óculos de proteção para construções civis, indústrias em geral, petróleo, gás e mineração. O mais completo do mercado dispõe de proteção frontal e parcialmente lateral, boa aderência, protetor nasal e filtração de radiação UV.

5° Danny

Com produtos inovadores de luvas e óculos de proteção, a Danny é uma empresa referência de mercado no quesito segurança do trabalho. Há mais de 30 anos desenvolvendo luvas e óculos de segurança, a marca atua no Brasil e no mundo com avançadas tecnologias e linhas de alta performance para o serviço.

Líder em óculos de proteção, a Danny não deixa de obedecer às normas técnicas brasileiras (ABNT), norma regulamentadora do Ministério do Trabalho e Emprego e normas internacionais EN, ISO e ANSI em sua linha de confecção. Todos os equipamentos da marca são testados e aprovados para perfeito desempenho na indústria.

Diferenciais dos óculos de segurança da Danny

Com o cuidado para que o empregador escolha o EPI correto, a Danny tem os seguintes atributos em seus equipamentos:

  • Proteção contra impactos;
  • Alta ou baixa luminosidade;
  • Proteção a raios UVA, UVB e UVC;
  • Versão ampla visão;
  • Óculos de segurança com grau.

Principal linha de óculos de segurança Danny

A linha Suprema da Danny traz uma variedade de óculos de segurança e proteção com alta tecnologia e performance em material de tratamento antirisco e antiembaçante, proteção contra impactos de partículas volantes, sistema de ventilação, vedação para o rosto e proteção contra químicos para industriais em geral e ambientes de céu aberto. 

Guia de compra: Fatores importantes para a escolha dos óculos de proteção correto

Com tantas opções e necessidade de mercado, os óculos de proteção são disponibilizados em diversas lentes o que acaba confundindo o consumidor. 

Os óculos de segurança precisam ser ajustáveis a fisionomia do profissional, vedando a área completa dos olhos e em alguns casos a sobrancelha, além de que em algumas funções deve ser encaixável em outros EPIs como o capacete.

Para que você não se confunda, separamos neste guia algumas informações importantes para que saiba qual o modelo, onde comprar, preços e funções desse EPI.

Principais tipos de óculos de proteção

Óculos de sobrepor

Como no nome, os óculos de sobreposição como também são chamado, é feito para ser colocado acima de outro óculos. Habitualmente usado por funcionários que também usam o óculos de grau tradicional.

Os modelos desses óculos costumam ser maiores para que o encaixe funcionem bem ao rosto, sem atrapalhar a visão do colaborador.

Óculos de Sobrepor Fume Danny
Óculos de Sobrepor Fume Danny

Óculos de segurança com grau

Com os mesmo objetivo dos óculos sobrepor, os óculos de proteção com grau são desenvolvidos para pessoas que precisam da correção visual, mas que também necessitam de proteção no trabalho, porém não se sentem confortáveis com os óculos de sobreposição. 

Óculos de segurança

Fabricado em policarbonato, os óculos tradicional de proteção são encontrados em diferentes tamanhos, modelos e cores de lente para diferentes frequências de luminosidade. 

Óculos de Segurança Vonder
Óculos de Segurança Vonder

Óculos ampla visão

De fácil visão panorâmica, os óculos ampla visão possui somente uma lente. Indicado para ocupações com muita poeira, fumaça e fumos. 

Seu modelo tem ajude ao rosto com vedação completa sem abertura dos lados, protegendo completamente os olhos. É recomendado para construções civis, usinagem, canteiro de obras, demolições e madeiras. 

Óculos Ampla Visão Univet
Óculos Ampla Visão Univet

Tipos de lente dos óculos de proteção

As diferentes cores de lentes dos óculos de proteção tem um objetivo, além do estilo, motivo pelo a qual faz com que muitas pessoas comprem sem que saibam o real explicação pela lente colorida. As cores das lentes cumprem o papel de ajustar a entrada de luz aos olhos dos profissionais. Cada cor é específica para uma intensidade, confira:

Óculos de proteção com lente incolor: Indicada para ambientes claros, mas onde não há tanta interferência de luz;

Óculos de proteção com lente verde: Indicado para atividades que há a interferência de luz infravermelha ou luz solar que prejudica os olhos, geralmente em trabalhos de soldas e com acetileno simples.

Óculos de proteção com lente amarela: recomendado para ocupações em ambientes com interferência de luz fraca, neblina, água, partículas volantes e períodos noturnos.

Óculos de proteção com lente cinza/fume: com filtro UVA/UVB, esse óculos é indicado para quem ocupa lugares externos com interferência de luz solar intensa. A cor cinza complica a aderência de luz nos olhos que dificulta a visão.

Óculos de proteção com lente In-Out: parecido com o óculos incolor, as lente in-out também é indicada para ambientes que claros, mas sem tanta interferência de luz, com um porém, essa lente se adapta em ambientes externos e internos, dessa forma o usuário se sofre com a variação de luz não se sente incomodado quando usa essa lente.

Condições para analisar antes da compra

Para decidir qual os óculos correto e qual será a melhor escolha para a função, existem fatores relevantes e que agregam ao material, conforto e usabilidade. Confira abaixo alguns critérios para considerar ao selecionar o EPI:

Proteção nasal

Um do ponto de apoio dos óculos, além das hastes, é o nariz. Sem uma ponte de acomodação dos entre o rosto e os óculos o usuário pode sentir-se incomodado após um longo períodos de utilização dos óculos sem protetor nasal.  

Dessa maneira, fique atento e escolha modelos que tenham a proteção nasal e que assente de maneira sólida e confortável, posicionando ao formato das narinas.

Outra coisa importante é que os óculos de proteção que não possui esse tipo de instrumento, perde a aderência rapidamente e o tempo de utilização é menor, ademais o não protetor nasal no óculos pode permitir que algumas partículas escapem e entrem pelo espaço de sobra entre o rosto.

Regulagem

Com tantos tamanhos de rostos diferentes, a regulagem é um fator importante para a compra quando não há a medição certa do rosto que irá usar o óculos, ou quando ele será usado por mais de uma pessoa.

Há muitos modelos no mercado com essa possibilidade e por isso fique atento a essa função que auxilia na permaneça do equipamento no rosto na medida perfeita para o profissional.

Antiembaçante

Como dito antes, os óculos de proteção são usados em ocupações com a presença de partículas como poeiras, névoas, vapor, fumaças e fumos. Por essa razão o embaraçamento e cobrimento das lentes pode ser comum.

A tecnologia de antiembaraçamento permite a ventilação, entrada e a saída de ar durante o uso do óculos.

Certificado de Aprovação

Por último e não menos importante, um elemento a levar em conta na compra de qualquer EPI, seja ele o óculos de segurança ou outro dispositivo de proteção, é do Certificado de Aprovação do produto.

O C.A (Certificado de Aprovação) é um documento de permissão para a venda do produto fornecido Ministério de Economia, que atesta um padrão de qualidade do EPI, certificando que ele realmente funciona e em qual classe de proteção ele está apto.

Para saber se o CA do equipamento  está válido, o Ministério de Economia disponibiliza gratuitamente a consulta do Certificado de Aprovação dos Equipamentos de Proteção, nele fica disposto a validade do produto, características, descrição, data de emissão e outros dados.

Confira nosso artigo completo sobre o que é um CA.

Óculos de proteção: Principais dúvidas

Como utilizar o óculos de proteção?

O óculos de segurança deve ser utilizado no rosto cobrindo totalmente a área dos olhos, encaixado sem que fique largo ou apertado.

Durante a atividade de risco o equipamento não deve ser retirado de maneira alguma.

Qual o melhor óculos de proteção?

O melhor óculos de proteção é aquele que se adapta ao rosto do usuário e permite uma visão clara e ampla no momento do expediente. O óculos deve ser escolhido de acordo com o função a ser executada e de preferência em lentes ante embaçantes e anti risco.

Porque é importante o uso de EPI?

O EPI deve ser usado para proteger e certificar que em acidentes ou ambientes de risco o funcionário não se prejudique e sofra algum ocorrência de trabalho.

Segundo a NR6, a disponibilização do equipamento de segurança deve ser feito gratuitamente para os profissionais.

Qual a norma para o óculos EPI?

Não há no Brasil nenhuma norma específica para a fabricação, distribuição e venda dos óculos de proteção. Dessa forma a norma utilizada é a americana ANSI Z87.1, que estabelece um padrão mínimo de segurança e qualidade para os óculos de segurança, além de procedimentos de avaliação de risco para avaliar a necessidade dos óculos, os principais componentes do equipamento e os níveis de impacto: alto impacto ou básico.

Os testes admitem as seguintes provas:

  • O óculos precisa resistir ao impacto de queda livre em 1,3 metros e um projétil de 500 gramas;
  • Em outro teste, o óculos deve resistir a uma esfera de 6mm de diâmetro na velocidade e 45 metros por segundo;
  • No tipo ampla visão deve passar por teste de impacto com a esfera de 6mm a 76 metros por segundo;
  • As lentes não devem se soltar, rachar, quebrar e permanecer na armação;
  • Nenhuma peça deve se soltar.

O que é luminosidade intensa?

Luminosidade intensa a luz solar ou amarela.

O que é uma partícula volante?

Partículas volantes ou também partículas que voam são aquelas que ficam suspensa no ar após serem geradas por algum processo como cortes, perfurações, lixamento entre outros.

Como desembaçar óculos de segurança?

Os óculos devem ser limpos com água em temperatura ambiente e sabão neutro, sem a necessidade de nenhum outro produto de limpeza.

É importante também que os óculos fiquem bem armazenado, longe de sujeiras, poeiras, umidade e produtos corrosivos.

Conclusão

Destacamos a importância da compra de um EPI de qualidade e que tenha a devidas certificações e aprovações de proteção que darão ao óculos a devida confiança.

Ao comprar qualquer instrumento de proteção para seus funcionários procure ouvi-los, estudar e se informar sobre os riscos. Os testes e treinamento para o uso correto dos equipamentos também são de responsabilidade da empresa contratante e garante que os direitos dos profissionais fiquem garantidos.

Por tanto, a escolha dos óculos de proteção ficar a critério das funções, riscos e ambientes de exposição, por isso o investimento dos dispositivos de segurança deve ser feito sempre pensando na harmonia do trabalho como um todo, evitando acidentes, prejuízos aos funcionários e acusações judiciais a empresa. 

Gostou do conteúdo? Continue lendo mais no artigo especial de capacetes de proteção.

Gostou?

Conte para a gente nos comentários!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *