Economia

Momento de reavaliação

julho 5, 2010
Tempo de leitura 2 min

Além de fomentar novos negócios e mostrar os produtos que estão chegando ao mercado, os megaeventos industriais espelham o comportamento da indústria diante das oscilações da economia. Uma feira como a Mecânica 2010, realizada já no pós-crise de 2008, é um bom momento para observar como as indústrias reagiram e como usaram as pressões decorrentes da crise para dela emergir em melhores condições, oferecendo melhor qualidade e menores preços. Visitar os expositores da Mecânica 2010 foi uma oportunidade especial para conhecer essas reações.

As máquinas ganharam novo design, por exemplo, mais compacto e, sobretudo, com linhas retas. Vários fabricantes abandonaram perfis curvilíneos, esteticamente defensáveis mas dificilmente mais econômicos do que as soluções retilíneas.

Entrevista realizada com vários expositores revelou, ainda, que o tempo da crise foi usado na busca por fornecedores capazes de oferecer melhores preços, começando pelos fornecedores de componentes não críticos, mas tendendo para uma revisão mais abrangente no cadastro de fornecedores. Essa busca é permanente no ambiente industrial, mas a velocidade com que se realiza é proporcional à gravidade da crise.

Foi possível também observar a padronização de componentes em toda a linha, limitando, portanto, as diferenças entre os modelos. Em muitos desses casos, essa tendência levou a parcerias mais amplas e consistentes com os fornecedores. Essas medidas ajudaram a diminuir o custo de fabricação e, consequentemente, o preço final dos produtos, tornando-os mais competitivos, principalmente quando a indústria precisa enfrentar os importados chineses.

Produtos ecologicamente corretos, que consomem menos energia e poluem menos, tiveram destaque na feira, reforçando a importância da sustentabilidade nos novos projetos. O Pré-Sal e as oportunidades geradas pelas novas descobertas também mostraram que algumas indústrias estão adaptando seus produtos para atender as rigorosas exigências da cadeia petrolífera.

O aprendizado durante a crise ajudou um significativo número de indústrias a relançar seus produtos com novos recursos para atender um novo mercado, mais exigente e competitivo. A Mecânica 2010 mostrou inúmeros exemplos de como a crise desencadeada em 2008 estimulou a criatividade da indústria, demonstrando, mais uma vez, que os dias de crise são vésperas de soluções. Com alguma liberdade, podemos dizer que 2008 serviu para a indústria preparar-se para as oportunidades que os novos projetos em curso e planejados já estão oferecendo.

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/expertisenei/public_html/wp-includes/functions.php on line 3743