Mais ideias para a logística de seus produtos

2 minutos para ler

foto_embalagemCom raríssimas exceções, tudo o que a indústria produz precisa ser embalado para entrega e você pode encontrar AQUI algumas soluções para sua logística.

Entre 22 e 26 deste mês, muitas dessas soluções estão expostas na 2ª Semana Internacional da Embalagem, Impressão e Logística, no Parque Anhembi, São Paulo. Esta seção, contudo, vai além e inclui novos produtos de fabricantes não expositores.

O Brasil é o segundo país, depois dos Estados Unidos, em lançamento anual de novas embalagens. Conforme levantamentos do Laboratório Global de Embalagem da Escola Superior de Propaganda e Marketing – ESPM, o País saiu do sexto lugar em 2008 para o segundo lugar já no início de 2009.

Cerca de 50% das inovações nas embalagens ocorreram na indústria de alimentos. Correspondendo a essa atividade, o faturamento da indústria brasileira de embalagem cresceu de R$ 33 bilhões para R$ 36 bilhões entre 2007 e 2008. Na formação desse faturamento, o setor de embalagens plásticas entrou com 37,6%, seguido pelas embalagens de papelão ondulado e cartão (28%), embalagens metálicas (16,9%), papel (7,12%) e vidro (5,2%).

As múltiplas funções atuais da embalagem no marketing, propaganda, segurança, controle ambiental e reciclagem, sobretudo sua importância para a redução de custos em geral, explicam o impulso inovador que esta atividade industrial tem revelado nos últimos anos.

AQUI você pode consultar algumas das soluções, com ênfase naquelas exibidas na 2ª Semana Internacional da Embalagem, Impressão e Logística.

Crédito: Lilian Mary Gabriel Lopes é graduada em língua portuguesa pela USP e pós-graduada em literatura brasileira pela UFRJ.

Você também pode gostar

4 comentários em “Mais ideias para a logística de seus produtos

  1. Eu acho muito importante tbaralhar este assunto com os alunos em escolas pois através deles é que conseguimos transmitir a conscientização da reciclagem. Uma colega ouviu no rádio a respeito de uma cartilha que ensina crianças a usarem embalagens para a confececção de brinquedos. Gostaria de saber a respeito. Obrigada

Deixe uma resposta

-