Jonny Motorcycles montará ciclomotores na Bahia no segundo semestre

2 minutos para ler

A Jonny Motorcycles deve, a partir do segundo semestre, iniciar a montagem de dois modelos de motos que usam motores de 50 cc: o Hype 50 e o New Hype 50. A nova estação de montagem está sendo construída em um terreno de 150 mil m², em Camaçari, na Bahia. A previsão é que sejam montadas 85 mil unidades por ano. Até o momento, todos os modelos da Jonny Motorcycles são importados.

jonny_motosA estação de montagem será custeada pelos atuais importadores, Bruno Burani e Eduardo Oliveira, que não revelam o valor do investimento. A Jonny adotará a estratégia do Complete Knock-Down – CKD, onde a matriz – na China – fabricará a moto e a exportará desmontada para o Brasil. Exceto o motor que virá inteiro, o restante da moto virá desmontado em kits.

O índice de nacionalização inicial também não foi informado pelos sócios, mas segundo Eduardo Oliveira, a injeção de plástico certamente será de responsabilidade de empresas nacionais.

Segundo Oliveira, a nova estação de montagem vai gerar, inicialmente, 98 empregos diretos.

Consequências da nova alíquota
Desde o segundo semestre do ano passado, parte das motos importadas teve elevada sua alíquota do Imposto sobre Produtos Industrializados – IPI. No caso dos ciclomotores (motos com baixa cilindrada), essa alíquota passou de 15% para 35%, “obrigando” as marcas importadas a repensarem seus negócios. Segundo a Associação Brasileira dos Fabricantes de Motocicletas, Ciclomotores, Motonetas, Bicicletas e Similares – Abraciclo, os ciclomotores responderam por 75% das importações de motos em 2011.

Fonte: com informações da Automotive Business.

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-