Estão abertas as inscrições para o Prêmio Nacional de Inovação 2013

2 minutos para ler

Empresas de micro, pequeno, médio e grande portes de todo o Brasil poderão concorrer a R$ 900 mil pré-aprovados no Edital SENAI SESI de Inovação, missão técnica internacional e cursos de educação executiva. As inscrições podem ser feitas até o dia 31 de outubro, por meio do site http://www.premiodeinovacao.com.br/. Os vencedores serão conhecidos em maio de 2014.

“A experiência das grandes empresas mostra que o esforço de inovação sempre envolve conexões com fornecedores, instituições de ciência e tecnologia, empresas de base tecnológica. Os investimentos em inovação garantem o aumento contínuo da produtividade e da competitividade da indústria brasileira”, destaca Paulo Mól, diretor de inovação da Confederação Nacional da Indústria – CNI.

As empresas interessadas poderão concorrer em quatro categorias:

Gestão da Inovação: busca reconhecer métodos, técnicas e ferramentas de gestão da inovação que estabeleçam um ambiente propício ao desenvolvimento de projetos inovadores.

Agente Local de Inovação: direcionada a micro e pequenas empresas atendidas pelo Programa Agentes Locais de Inovação (ALI) do Sebrae nos setores de indústria, comércio e serviços.

Inovação Tecnológica: valoriza projetos de produtos ou processos que contribuem para o aumento dos níveis competitividade da empresa.

Inovação em Modelo de Negócio: premia a forma como projetos são levados ao mercado a fim de aprimoramento de modelos de negócio capazes de gerar impactos na empresa.

Nas últimas duas edições, o crescimento foi de 129%, apontando a importância da inovação dentro das plantas industriais brasileiras. Em 2011, foram 427 inscritos. Em 2012, foram  981.

O Prêmio Nacional de Inovação é uma iniciativa da Mobilização Empresarial pela Inovação – MEI, realizado pela CNI e o Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas – Sebrae, com apoio do Instituto Euvaldo Lodi – IEL, Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial – SENAI, Movimento Brasil Competitivo – MBC, Financiadora de Estudos e Projetos – Finep e Ministério de Ciência, Tecnologia e Inovação – MCTI.

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-