Economia, Produtos & Serviços

Estabilidade estimula investimentos na produção de aço no País

dezembro 14, 2010
Tempo de leitura 2 min

O mercado de aço brasileiro vive um bom momento. Até agosto, a produção de aço no País cresceu próximo de 40%, em relação ao mesmo período de 2009. Para os aços longos, a ascensão foi de 36,5%. O Brasil produz cerca de 30 milhões de toneladas de aço por ano.

Os números refletem a recuperação da economia, após o período de crise, fortemente apoiada nos investimentos do mercado interno. Outras condições para os resultados positivos para o parque industrial, e o conseqüente aumento consumo de aço, foram as exportações.

Com a estimativa do crescimento do PIB no Brasil em torno de 7%, em 2010, vários setores, diretamente ligados ao aço, também acompanham essa movimentação ascendente. A indústria de transformação deverá fechar o ano com um crescimento de 8% e  o segmento da construção civil deve contribuir com expansão na casa dos 10%. Um indicador importante desta evolução é a venda de veículos, com previsão de crescimento de 9% este ano.

Para 2011, a expectativa é de um ano promissor para o setor de aço. Uma expectativa que se baseia, por sua vez, nas expectativas otimistas setores industriais, assumindo como exemplo,  o automobilístico, além do desempenho  mercados como o agrícola, de petróleo, construção civil, e açúcar e álcool. Vale lembrar ainda que as obras do PAC, Copa do Mundo e Olimpíadas irão exigir da siderurgia esforço adicional para atender as novas demandas.

Acesse o NEI.com.br e conheça os últimos lançamentos do mercado de aços.

Por Antonio Abbud, gerente de vendas da Açotubo, empresa posicionada entre as maiores distribuidoras de tubos e barras de aço carbono da América Latina e eleita fornecedor TOP FIVE pelos leitores da revista NEI.

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/expertisenei/public_html/wp-includes/functions.php on line 3743