Como as Redes Neurais Artificiais vão Integrar o Negócio da Indústria

2 minutos para ler

O que são redes neurais artificiais? Para que servem e por que têm sido tanto utilizadas nos negócios das empresas? Quais são as suas potencialidades de aplicações práticas junto aos setores industriais? Quais tipos de problemas podem resolver e que outras ferramentas não resolvem? Por que produzem soluções muito mais otimizadas frente a outras técnicas consideradas consagradas?

A partir da consideração de tais questionamentos é que a palestra do Prof.Dr.Ivan Nunes da Silva da Escola de Engenharia de São Carlos / EESC USP, será ministrada no NEI International Industrial Conference & Show, enaltecendo-se então os benefícios de se integrar ferramentas baseadas em redes neurais artificiais junto aos negócios da indústria. Como decorrência desta integração, os sistemas e processos modelados conseguem atingir altas taxas de precisão, desempenho e eficácia. Tais soluções inovadoras proporcionadas pela aplicação de redes neurais artificiais são advindas da exploração de suas habilidades intrínsecas, tais como a adaptação por experiência,  capacidade de aprendizado, habilidade de generalização, organização de dados, tolerância a falhas, armazenamento distribuído e facilidade de prototipagem.

Entre suas potencialidades de aplicação visando à integração dos negócios da indústria está a otimização de processos de produção/manufatura, previsão de vendas de produtos/serviços, classificação automática de padrões, diagnóstico de falhas, previsão de ações no mercado financeiro, análise de perfis de crédito, processamento e análise de sinais/imagens, etc.

Mais informações sobre o evento: www.eventosnei.com.br

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-