Oportunidades

Começam em MG as operações da primeira fábrica da Iveco de veículos de defesa fora da Europa

Rafael
Escrito por Rafael em 21 de junho de 2013
NEI NEWS

Junte-se a mais de 230 mil pessoas e receba conteúdos exclusivos e com prioridade

A Iveco inaugura no País neste mês sua primeira fábrica de veículos de defesa fora do continente europeu e será a base de exportação para a América Latina. Está localizada no Complexo Industrial da Iveco, em Sete Lagoas–MG, em área de 30 mil m2, com 18 mil m2 construídos. A unidade é responsável pela produção dos veículos blindados VBTP-MR, conhecidos como Guarani, frutos da parceria da empresa com o Exército Brasileiro.
Operando com capacidade máxima, a planta poderá entregar mais de 100 veículos blindados por ano, com previsão de chegar a 200, e empregará 350 pessoas, além de gerar 1.400 postos de trabalho indiretos.
Para o desenvolvimento e a fabricação inicial do Guarani, a companhia celebrou contratos com o Exército Brasileiro de R$ 282 milhões e investiu R$ 55 milhões, empregados também na construção da fábrica. O montante resultou em uma estrutura concebida nos conceitos de Lean Manufacturing, com ênfase na organização do processo produtivo, layout da planta e eliminação de desperdícios.
“Estamos prontos para iniciar já neste ano a busca pela certificação em World Class Manufacturing, conjunto de padrões de excelência em processos produtivos e da adoção das melhores práticas de trabalho”, disse Paolo del Noce, diretor de Veículos Especiais da Fiat Industrial Latin America.
Segundo a fabricante, o VBTP-MR é capaz de transportar até 11 pessoas. Com índice de nacionalização superior a 60%, incluindo trem de força e chassi, tem tração 6×6 e é impulsionado pelo motor diesel Cursor 9, da FPT Industrial, com 383 cv de potência máxima. Conta com transmissão automática, capacidade anfíbia, sistema automático de detecção e extinção de incêndio com oito extintores, operação noturna de série, GPS, ar-condicionado e proteções balística e antiminas. Tem peso bruto total de 18 toneladas e as dimensões básicas são 6,91 m de comprimento, 2,7 m de largura e 2,34 m de altura, o que o permite ser transportado pela aeronave KC-390, da Embraer.
O novo veículo é a plataforma-base de uma família de blindados médios de rodas que poderá ter até mais dez versões diferentes, incluindo veículos de reconhecimento, socorro, posto de comando, comunicações, oficina e ambulância.

Gostou?

Conte para a gente nos comentários!

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *