Oportunidades

Brasil terá primeira usina de etanol de 2ª geração

maio 12, 2013
Tempo de leitura 1 min

A Bioflex Agroindustrial, empresa do grupo GranInvest, vai construir sua primeira unidade brasileira de produção de etanol de segunda geração. A usina, localizada no município de São Miguel dos Campos (Alagoas), terá capacidade de produção de 82 milhões de litros por safra, utilizando a palha e o bagaço de cana-de-açúcar como matéria-prima e tecnologia de conversão de biomassa.

Será a segunda planta em escala comercial (a outra está localizada na Itália). O etanol de segunda geração é uma alternativa que visa contribuir para tornar o etanol brasileiro ainda mais sustentável. Além disso, a utilização da palha e do bagaço permitirá que a produtividade industrial do etanol chegue a cerca de 10 mil litros por hectare – aumento de até 45% em relação aos níveis atuais. O projeto integra o Programa de Apoio à Inovação Tecnológica Industrial dos Setores Sucroenergético e Sucroquímico – PAISS.

Com o aumento previsto da produtividade, será possível reduzir o atual patamar de custos do setor, contribuindo para estimular novos investimentos e, consequentemente, maior geração de emprego e renda, além da redução de importação de combustíveis.

Como parceiro do projeto, o Banco Nacional do Desenvolvimento Econômico e Social – BNDES aprovou financiamento de R$ 300,3 milhões.

Você também pode gostar

2 Comentários

  • Responder Marcos Menezes maio 13, 2013 at 3:07 pm

    Gostei. Não será possivel melhorar o processo da COPERBO em Pernambuco? Vamos levantar a usina, acho que merece estudo para torná-la econômica. Marcos Menezes(chemetec@hotmail.com)

  • Responder Marcos Menezes junho 13, 2013 at 9:43 pm

    A Filsan fez nos anos 80 na Usina de Araras Biomassa a partir de palha & bagaço de cana. Vai lá ver saiu na revista Quimica. Esse pessoal vem com cada conversa. Tá saindo primeira usina por toda parte de segunda geração.do Brasil. Esse assunto é mais velho do que andar de costa, CODISTIL tambem tem tecnologia desde os anos 80. Vai lá verificar.Assunto bem explorado desde os anos 70 . O Primeiro Polo Alcool-Quimico deveria ser na região de Piracicaba ou Ribeirão Preto. A ditadura não conseguiu financiamento na época no Exterior.tambem tem muitos estudos concretos na Luiz de Queiroz. Marcos Menezes(chemetec@hotmail.com) até eu possuo artigos e livros do assunto abordado.

  • Deixe um comentário


    Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/expertisenei/public_html/wp-includes/functions.php on line 3743