Meio Ambiente

As empresas mais sustentáveis do mundo

fevereiro 20, 2013
Tempo de leitura 2 min

O Global100 de 2013 (a lista anual das 100 empresas mais sustentáveis do mundo) foi anunciado pela Corporate Knights durante o Fórum Econômico Mundial, em Davos, na Suíça. O reconhecimento das 100 companhias é baseado na análise de indicadores-chave de 4.000 empresas dos mercados emergentes e desenvolvidos.

No nono ano da publicação, o ranking Global100 apresenta empresas de 22 países, abrangendo todos os setores da economia. As eleitas representam mais de US$ 3 trilhões em faturamento – cerca de 4,5% do Produto Interno Bruto (PIB) mundial – e cerca de 5,3 milhões de funcionários empregados.

De “produtividade energética” a “diversidade de cargos de liderança”, as avaliações refletem a importância que cada país dá ao tema “sustentabilidade”. Canadá e Estados Unidos lideram a lista com 10 empresas cada, seguidos de Austrália, Grã-Bretanha e França, com nove empresas.

O Brasil tem cinco empresas entre as 100 mais sustentáveis do mundo – duas a mais em relação à lista de 2012. A Natura ficou em 2º lugar na categoria Consumo Básico. Na categoria Utilitários aparece a Companhia Energética de Minas Gerais, na 43ª posição. Já a Vale S.A., no quesito Materiais, ocupa a 49ª colocação.  O Grupo Pão de Açúcar está em 74º lugar na categoria Consumo Básico, enquanto a 100ª posição é ocupada pelo Banco do Brasil, na categoria Finanças.

 

País

Número de empresas na lista Global100

Canadá

10

Estados Unidos

10

Austrália

9

Grã-Bretanha

9

França

9

Alemanha

7

Brasil

5

Suécia

5

Japão

4

Holanda

4

Noruega

4

Espanha

4

Dinamarca

3

Finlândia

3

Singapura

3

Suíça

3

Bélgica

2

Portugal

2

Hong Kong

1

Irlanda

1

África do Sul

1

Coreia do Sul

1

Para acessar a lista completa, clique aqui.

Os principais indicadores analisados pela Corporate Knights são: produtividade energética, produção de CO2, produtividade da água, produtividade de resíduos, diversidade de cargos de liderança (% de mulheres é contabilizada), salário médio, imposto pago, capacidade de inovação e rotatividade de funcionários.

Você também pode gostar

Sem comentários

Deixe um comentário


Notice: ob_end_flush(): failed to send buffer of zlib output compression (0) in /home/expertisenei/public_html/wp-includes/functions.php on line 3743