ABRAMCO desenvolve especificações padronizadas para mobiliário corporativo

2 minutos para ler

Informações auxiliam na elaboração de editais assim como na fiscalização do recebimento de produtos

Um dos itens que mais contam na hora de escolher um mobiliário é sua durabilidade. No entanto, poucas pessoas sabem o que devem observar na hora da compra do item para que ele possa ser durável e de boa qualidade. Pensando nisso, a ABRAMCO – Associação Brasileira do Mobiliário Corporativo, desenvolveu especificações padronizadas para este segmento.

Com o intuito de auxiliar a elaboração de memoriais descritivos, as especificações padronizadas da ABRAMCO contemplam uma série de produtos e suas respectivas especificidades quanto às dimensões, tipos de materiais, acessórios, sistema de montagem, etc. Todas as peças têm conformidade com as normas ABNT para seu segmento.

“Este é um instrumento para que o órgão público, por exemplo, possa adquirir mobiliário corporativo com qualidade e durabilidade”, afirma Maurício Mendes, diretor executivo da ABRAMCO. Segundo ele, o fato do material respeitar padrões técnicos definidos por órgãos qualificados como a ABNT – Associação Brasileira de Normas Técnicas, é um avanço significativo para o setor na medida em que o instrumento pode ainda ser utilizado como meio de fiscalização no recebimento da mercadoria. “Infelizmente, ainda hoje, não há uma fiscalização efetiva entre o que é adquirido e o que é recebido e isso ocasiona perdas pros cofres públicos e, consequentemente, para o contribuinte”, esclarece o diretor.

Este material oferece subsídios para que a administração pública possa detalhar o que deseja em termos de qualidade ofertada pelo mercado, bem como quais documentos e exigências técnicas que poderão ser solicitadas em cada processo, de forma atualizada.

As especificações padronizadas para Mobiliário Corporativo da ABRAMCO estão disponíveis para download gratuito no site da instituição.

Para mais informações acesse http://www.abramco.org.br.

Você também pode gostar

Deixe uma resposta

-